Saiba como transmitir a cultura da sua empresa para os funcionários

A comunicação transparente e as fortes experiências dos funcionários são importantes para impulsionar a cultura que irá motivar e reter os melhores talentos

Cultura empresarial

(Crédito: 123RF)

Conduzir a cultura envolve reforçar crenças e comportamentos que determinam como os líderes e funcionários dessa organização interagem interna e externamente. Existe uma fórmula para isso? Não exatamente.

No entanto, há melhores práticas que é possível observar em muitas empresas e ao conversar com alguns empreendedores. O site Open Forum listou cinco dicas para você conseguir transmitir a cultura da sua empresa para os funcionários.

1. Concentre-se no recrutamento e na integração

A cultura começa com seus primeiros funcionários. E se você for claro sobre sua missão, visão e valores, vai atrair outros profissionais com sensibilidades semelhantes.

Quando os novos contratados chegam, deixe bem claro o que se espera deles. Explique como seu papel é significativo não apenas no escritório, mas significativo no mundo real, para que eles possam se orgulhar de onde trabalham e o que eles fazem.

2. Promova uma experiência significativa do empregado

Os funcionários agora esperam uma experiência de trabalho comparável à experiência que eles têm em casa por meio de serviços como Netflix e Amazon. Você escolhe o que deseja fazer quando quiser e as interações são fáceis e convenientes.

Cadastre-se e receba novidades e dicas sobre empreendedorismo

Sua experiência única de funcionário deve cobrir todas as facetas do ciclo de vida do emprego, incluindo recrutamento, integração, aprendizado, desempenho e transição. Isso envolve a compreensão e a promoção das atividades que os funcionários realizam em cada estágio. Isso ajuda a introduzi-los na cultura. Ao mesmo tempo que vai alcançar a máxima produtividade e potencial.

No entanto, é importante perceber que as experiências personalizadas são fundamentais. Uma abordagem de tamanho único pode não ser eficaz na condução da cultura, mesmo para funcionários no mesmo local e função.

3. Comunique-se com sua equipe de maneira transparente

A era de comando e controle, ou liderança hierárquica inquestionável, chegou ao fim. Seja essa notícia boa ou ruim, as empresas que priorizam a cultura de condução compartilham regularmente o que está acontecendo em suas organizações. De cima para baixo.

Considere usar a tecnologia e as mídias sociais como mecanismos para solicitar e integrar o feedback dos funcionários. Mostre que você se importa por ter um interesse pessoal na vida dos funcionários e defender seus melhores interesses.

Tenha um diálogo bidirecional de fluxo livre ocorrendo em todos os momentos. Você pode, por exemplo, usar um aplicativo de comunicação em tempo real para participar de conversas contínuas sobre determinados tópicos com grupos específicos de membros da equipe.

4. Promova a experimentação em todas as suas equipes

Líderes envolvidos em um processo saudável de estimular a cultura incentivam os funcionários a praticar estratégias empreendedoras dentro do contexto dos objetivos maiores da organização. Eles facilitam a troca de ideias, garantindo que os funcionários se sintam seguros o suficiente para falar e experimentar coisas novas. Mesmo que falhem.

5. Verifique e adapte sua cultura

Com base no que você encontra em sua análise, você deve adaptar sua estratégia para que sua cultura atenda verdadeiramente às necessidades dos funcionários. As organizações ágeis entendem que nenhuma abordagem, mesmo que faça sentido por um tempo, tem uma vida útil ilimitada. A verdadeira agilidade envolve uma consideração cuidadosa de ações potenciais para remediar fraquezas descobertas ou processos que não funcionam tão bem quanto antes.

Esse artigo foi útil? Inscreva-se na newsletter do Negociarias e receba semanalmente mais dicas de empreendedorismo.