O que sabemos a respeito da variante Omicron

O que é Omicron e que precauções você pode tomar para proteger sua família?

A variante altamente transmissível Omicron COVID-19 causou um aumento sem precedentes nos casos em todo o mundo. Reunimos os detalhes mais atuais de especialistas sobre a variante, e vamos tornar este posto mais atualizado à medida que novas informações forem sendo disponibilizadas.

O que sabemos a respeito da variante Omicron

O que sabemos a respeito da variante Omicron

Como posso determinar a variação da Omicron?

É a versão Omicron da COVID-19 é considerada pela OMS como uma “variante adversa”. A Omicron está se espalhando mais rapidamente que outras variantes, e a taxa de duplicação é de 2 a 3 dias. O risco geral associado à Omicron permanece extremamente elevado.

O que é BA.2 Omicron ‘furtivo’?

BA.2 é uma variante não relacionada da Omicron, freqüentemente chamada “furtiva Omicron”. É atualmente a cepa COVID-19 mais prevalente no mundo inteiro, bem como a maior variação transmissível do vírus, segundo a Organização Mundial da Saúde. BA.2 não é considerada mais perigosa que outras cepas Omicron, no entanto, devido ao aumento maciço do número de casos, houve um aumento das hospitalizações em vários países em todo o mundo. Em muitos países, a abolição das proteções sanitárias para o público, incluindo máscaras, e o distanciamento físico está levando à propagação da doença. As vacinas COVID-19 estão fornecendo proteção sólida contra doenças e mortes graves, inclusive contra a Omicron.

Qual foi o processo que levou à variação da Omicro se desenvolver?

Se um vírus está se espalhando amplamente e causando muitas infecções, o risco do vírus se tornar mutante aumenta. Quanto mais chances o vírus tiver de se espalhar, maiores serão as chances de sofrer modificações.

Variantes como a Omicron servem para lembrar que a pandemia da COVID-19 não está terminando. É crucial que as pessoas recebam a vacina quando ela estiver disponível para elas e sigam as diretrizes existentes para evitar a transmissão deste vírus, tais como distanciar-se fisicamente, usar máscaras e lavar as mãos regularmente e manter áreas com ar condicionado em casa.

Também é essencial que as vacinas e outras intervenções de saúde estejam prontamente disponíveis para todos. A desigualdade nas vacinas deixa os países de baixa renda – a maioria deles na África, na África – à mercê da COVID-19.

A variação da Omicron está presente?

A Omicron está agora sendo detectada em todo o mundo, após a primeira detecção em novembro de 2021.

A Omicron é a variante Omicron mais séria do que outras variantes da COVID 19?

Há uma menor probabilidade de hospitalização na Omicron em comparação com aqueles que têm a variante Delta. Entretanto, a OMS adverte que ela não deve ser dispensada apenas por ser “leve”. Um aumento no número de mortes relacionadas à COVID-19 porque associado à variante Omicron foi observado em vários países, particularmente em países onde a taxa de vacinação é baixa para populações vulneráveis.

É crucial ter em mente que a COVID-19 em todas as suas variantes pode levar a doenças graves ou mesmo à morte. É por isso que parar de propagar a doença e diminuir o risco de ser exposto ao vírus é crucial.

É a variante Omicron mais infecciosa?

Sim, há uma razão para que a COVID-19 da variação Omicron seja muito mais contagiosa do que outras variantes. Mas, ser vacinado e tomar precauções como ficar longe de áreas lotadas e manter uma distância segura dos outros, e usar uma máscara facial são cruciais para evitar a transmissão da COVID-19.

A variante Omicron produz sintomas diferentes?

Não há nenhuma evidência sugerindo que a Omicron é uma causa de diferentes sintomas como diferentes variações da COVID-19. A Omicron tende a causar sintomas menos graves do que as variantes anteriores, como a Delta.

As vacinas da COVID-19 são eficientes para combater a Omicron?

As vacinas COVID-19 aprovadas pela OMS continuam se mostrando altamente eficazes na prevenção de doenças e mortes graves, como contra a Omicron. Elas oferecem menos proteção contra infecções e doenças menores causadas pela Omicron, porém é por isso que é essencial tomar medidas para evitar a propagação da doença, por exemplo, máscaras de distanciamento físico, ventilação adequada e lavagem freqüente das mãos.

Também é crucial ser vacinado a fim de se proteger contra as diversas variações amplamente difundidas, como as que se sabe estarem circulando, como a do Delta. Se você for receber sua vacina, não deixe de vacinar-se. Se a vacinação for de duas doses, você precisa tomar ambas para obter a maior proteção possível.

Você acha que uma infecção anterior relacionada à COVID-19 é benéfica para combater esta variante do Omicron?

Se você já foi vacinado contra a COVID-19 anteriormente, há uma chance de ser infectado novamente pela Omicron. É recomendado ser vacinado, mesmo quando você já tenha tido a COVID-19 anteriormente. Se as pessoas que se recuperaram da COVID-19 podem desenvolver uma imunidade natural contra a doença, não sabemos quanto tempo o efeito dura ou quanto você está protegido. As vacinas são mais confiáveis na sua proteção.

Os testes da COVID-19 detectam atualmente esta variante?

Os testes mais amplamente utilizados de PCR e antigénios para diagnóstico rápido continuam a identificar a infecção COVID-19 e COVID-19, que inclui Omicron.

As crianças são mais suscetíveis a contrair esta variante de Omicron?

Acredita-se que a variação Omicron é considerada a melhor versão transmissível disponível no momento para todos os grupos etários, o que inclui crianças e adultos. Portanto, espera-se aumentar o número de crianças que são afetadas. As pessoas que se misturam socialmente, bem como as que não foram vacinadas, têm maior probabilidade de contrair a COVID-19.

Como posso proteger a mim e aos meus entes queridos da Omicron?

O passo mais crucial que você pode tomar é diminuir suas chances de ser exposto à doença. As formas mais eficazes de proteger sua família e a si mesmo são:

  • Use uma máscara para cobrir sua boca e seu nariz. Certifique-se de que suas mãos estão secas quando você coloca e tira a máscara.
  • Mantenha uma distância física de, no máximo, 1 milímetro de seus companheiros.
  • Evite espaços lotados ou mal ventilados que não sejam ventilados adequadamente ou que tenham muita gente dentro.
  • Faça janelas abertas para permitir que mais ar circule dentro.
  • Certifique-se de lavar suas mãos regularmente.
  • Se for sua vez de fazê-lo para ser vacinado, faça-o agora. Contate suas autoridades sanitárias locais para saber mais sobre as vacinas COVID-19 que são aprovadas para você.

O que posso dizer com meu filho sobre as variações da Omicron e da COVID-19?

As informações sobre a COVID-19, e especialmente a variante Omicron estão afetando nossas vidas todos os dias e é natural que crianças pequenas possam ter inúmeras perguntas. Aqui estão algumas dicas para lembrar dicas para ajudar a esclarecer um assunto extremamente complexo em palavras fáceis e reconfortantes.

  • As crianças têm o direito de estar cientes do que está acontecendo, mas isso deve ser explicado a elas de maneira apropriada para sua idade.
  • Peça a seu filho que fale sobre as coisas que ele aprendeu e depois ouça a resposta dele. É essencial estar completamente engajado e tomar quaisquer preocupações que eles possam ter. Seja paciente A pandemia, bem como informações falsas, criou muitos medos e confusão para todos.
  • Não deixe de se manter atualizado com as informações mais atuais para si mesmo. Os sites de organizações internacionais como a UNICEF e a Organização Mundial da Saúde são fontes fantásticas de informação sobre a pandemia.
  • Se você não tem certeza de sua resposta, não deve fazer suposições. Aproveite-a como uma oportunidade para analisar as respostas com outras pessoas.
  • Tenha em mente que as crianças recebem sua contribuição emocional dos pais, portanto, mesmo que você esteja preocupado com o desconforto de seu filho, não compartilhe suas preocupações com seu filho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima