Saiba como escrever uma proposta comercial irretocável

Aprenda a conquistar clientes apresentando sua empresa e seu projeto de forma confiável. Um modelo de proposta comercial eficiente pode gerar muitos negócios

Documento de proposta comercial em cima de mesa de madeira

(Créditos: megaflopp/123RF)

Como dono de uma empresa, conquistar clientes é provavelmente a sua principal prioridade. Mas é difícil conquistar a confiança dos clientes em potencial, sem a oportunidade de mostrar o que você tem para oferecer. Escrever uma proposta comercial é uma maneira eficiente de se apresentar aos potenciais consumidores.

As propostas comerciais, que não devem ser confundidas com os planos de negócios, oferecem a oportunidade de explicar quem você é e o que você oferece em um único documento. Criar um exige tempo e pensamento, mas é essencial para qualquer empresa.

Não sabe como escrever uma proposta comercial? O site Business News Daily fez um artigo com uma seleção de tudo o que você precisa saber.

O que é uma proposta comercial?

Para começo de conversa, precisamos explicar o que de fato é uma proposta comercial. O propósito desse documento é discutir e negociar as necessidade de ambos os lados. É a garantia que você e o cliente estejam cientes de todos os detalhes do trabalho, as tarefas, objetivos e resultados. Dependendo do nível de oferta, é importante deixar claro qual serviço será e qual não será feito.

+Leia também:
Empresas digitalizadas crescem mais, segundo pesquisas
– Economia: Brasileiro vai continuar empreendendo em 2018

Cadastre-se e receba novidades e dicas sobre empreendedorismo

Existem dois tipos de propostas comerciais: solicitada e não solicitada. A solicitada é o cliente quem entra em contato. Ele já está interessado na sua empresa. A não solicitada é apresentada a um cliente que não pediu ou esperava. É sua a responsabilidade de estimular o interesse do cliente em seus serviços ou produtos.

Como formatar o documento

Você quer que sua proposta seja o mais concisa e organizada possível. A recomendação é que a formatação do documento esteja nessa ordem:

  • Folha de rosto
  • Índice
  • Sumário executivo
  • Apresentação do problema
  • Abordagem e metodologia
  • Qualificações
  • Calendário e benchmarks
  • Custo, pagamento e questões legais
  • Benefícios

No entanto, não há um formato de tamanho único que você deve seguir e o layout não requer categorias rígidas. Você pode incluir um resumo do seu negócio, quem é a equipe de gerenciamento (uma biografia, podendo incluir fotos), por que o cliente deve escolher sua empresa, pacote de preços e um cronograma do projeto.

Salve sempre uma cópia em PDF antes de enviar a proposta comercial para o cliente.

O que incluir

  • Disponibilidade: certifique-se de que seus clientes saibam quando e com que frequência você estará disponível para oferecer seus serviços a eles.
  • Divisão das taxas: não se comprometer com um cliente antes de falar sobre os custos. Discuta o que está incluído em suas taxas, custos extras, faturamento, etc.
  • Data de expiração da proposta: sua proposta de negócios atual pode não ser relevante nos próximos meses ou mesmo semanas. Deixe isso claro em seu documento. Avise de possíveis alterações e custos em relação a mudança de período. Dessa forma, o possível cliente não vai esperar o mesmo preço daqui a alguns meses. Isso também coloca um pouco de pressão no processo de decisão do cliente.

Dicas adicionais

  • Conheça pessoalmente o cliente. Uma reunião formal vai ajudá-lo a se familiarizar com sua empresa antes de mergulhar em um contrato.
  • Simplicidade é a chave. Sua proposta não precisa ser um elaborado artigo. Seja sucinto.
  • Adicione um toque pessoal. Mostre o que separa sua empresa dos concorrentes.
  • Mostre seus projetos de sucesso. O que sua empresa já realizou. Não é hora de ser humilde.
  • Marque uma conversa para depois da entrega da proposta comercial. Dessa forma, você pode esclarecer suas dúvidas, esclarecer seus preços e vender ainda mais seu negócio.

Esse texto foi útil para você? Conte-nos o que achou.