Financiamento ou empréstimo: saiba avaliar a necessidade

Nem sempre recorrer a linhas de crédito é necessário. Mas quando a dificuldade aumenta, você sabe qual deve escolher? Conheças as diferenças

Empréstimo ou financiamento: pessoa avaliando a melhor opção

savings, finances, economy and home concept – close up of man with calculator counting money and making notes at home

Quando sua empresa passa por dificuldades financeiras ou você deseja expandir os negócios, pensar em um empréstimo ou financiamento é a saída mais comum. Mas antes de qualquer decisão, é preciso saber qual a diferença entre essas opções e avaliar qual se encaixa melhor na sua necessidade.

O Sebrae explicou em artigo recente os dois conceitos. Apesar de parecidos, são processos diferentes.

  • Financiamento: há uma finalidade específica para o valor retirado da instituição financeira, normalmente para a aquisição de bens. Por exemplo: comprar um veículo ou imóvel para sua empresa;
  • Empréstimo: pode ser utilizado pelo empresário sem definição prévia para onde será destinado o valor.  

Avalie

De onde vêm as suas dificuldades financeiras? Qual a real necessidade de um empréstimo ou financiamento?

  1. Caso estejam no custo das despesas operacionais, é necessário controlar gastos e cortar o que não agrega valor.
  2. Analise se os seus preços estão adequados à realidade do mercado. Reveja os valores cobrados, se necessário.
  3. O desajuste entre os prazos para receber do cliente em relação ao pagamento dos fornecedores também pode ser um problema. Nesse caso, acordar novas datas com fornecedores pode resolver a situação.

Se o propósito for expandir o negócio que vai bem, elabore um estudo de viabilidade e um plano de negócio. Esse planejamento vai indicar se os ganhos imaginados serão, na prática, maiores que os gastos.

+Leia também:
– 5 princípios essenciais da gestão de fluxo de caixa
– Mercado das fintechs deve democratizar o acesso ao crédito

Cadastre-se e receba novidades e dicas sobre empreendedorismo

Hora da decisão

Depois de todas as análises feitas, você saberá exatamente do que sua empresa precisa. Seja para garantir a saúde financeira ou o crescimento desejado. É hora de responder algumas perguntas para tomar a decisão final:

  1. Qual a finalidade exata dos recursos?
  2. Quanto irá precisar?
  3. Como irá pagar a dívida?

Com as respostas dessas perguntas, você definir qual linha de crédito mais apropriada para sua empresa.

Nem sempre a melhor saída é um financiamento ou empréstimo. Ter a gestão financeira organizada é essencial para o sucesso da sua empresa.

Esse artigo foi útil? Inscreva-se na newsletter do Negociarias e receba mais dicas para sua empresa garantir o crescimento.