Serasa: demanda de empresas por crédito avança 6% em agosto

Aumento é referente ao mês anterior. Já em comparação com agosto de 2017, procura dos empresários por crédito caiu 4 %

Empresário faz contas com calculadora

(Crédito: 123RF)

O Indicador Serasa Experian apontou, em agosto de 2018, que a demanda das empresas por crédito cresceu 6 % em comparação com o mês anterior. Já na comparação com agosto de 2017, a procura dos empresários por crédito caiu 4 %. Com estes resultados, a expansão da demanda empresarial por crédito subiu 0,2% no acumulado dos primeiros oito meses de 2018.

De acordo com os economistas da Serasa Experian, a alta da busca por crédito em agosto começa a refletir a sazonalidade do período quando, principalmente no setor industrial, que inicia seus preparativos para a produção das mercadorias ao atendimento às vendas de final de ano.

No entanto, a queda em relação ao mesmo mês do ano passado reflete uma postura ainda bastante cautelosa das empresas em suas buscas por crédito face às incertezas associadas às eleições de outubro.

Demanda por porte

A alta mensal da busca por crédito em agosto de 2018 ocorreu principalmente nas Micro e Pequenas Empresas (MPEs), que cresceram suas demandas em 6,1%. Nas médias empresas houve avanço de 0,9%. Já nas grandes empresas houve crescimento de 0,6% em agosto/18.

Na comparação com os primeiros oito meses do ano passado, a busca empresarial por crédito cresceu 0,4% nas MPEs. Nas médias empresas houve retração de 5,4%. E nas grandes empresas, o recuo foi de 2,0%.

Cadastre-se e receba novidades e dicas sobre empreendedorismo

+Leia também:
– Economia criativa é a aposta de muitos empreendedores em MG
– Ferramenta de fluxo de caixa para MEIs ajuda no controle das finanças

Demanda por setor

Em agosto de 2018, as empresas industriais avançaram suas demandas por crédito em 7,1%, em comparação com o mês anterior. Nas empresas de serviços, houve crescimento de 6,5%. E nas empresas comerciais, houve alta de 5 %.

Frente ao acumulado dos primeiros oito meses do ano passado, as empresas de serviços expandiram suas demandas por crédito em 1,4%. Nas empresas industriais, a alta interanual foi de 0,3%, porém nas empresas comerciais houve queda de 1,2%.

Demanda por região

A região com maior aumento da demanda empresarial por crédito em agosto, sempre em comparação com o mês anterior, foi o Norte, com 6,9%. Na sequência, vieram as regiões Nordeste (6,7%), Sudeste (6,3%), Centro-Oeste (4,3%) e Sul (4,2%).

Já no acumulado dos primeiros oito meses de 2018, todas as regiões, exceto a Sul (4,8%) e o Centro-Oeste (2,3%), mostraram recuos em suas demandas empresariais por crédito. No Norte, o percentual ficou em -3,2%; no Nordeste foi de -0,2% e no Sudeste foi de -1,8%.

Gostou deste artigo? Então inscreva-se em nossa newsletter e receba semanalmente as principais notícias do Negociarias.