Conheça os perfis dos clientes que comprarão de você

Conhecer quais são os tipos de clientes que uma empresa pode ter é importante para saber qual estratégia de venda vai alcançá-los. E entenda que nem todos vão comprar de você

Consumidora "sabe que precisa e quer", um dos tipos de perfis de clientes.

(Crédito: dolgachov/123RF)

Você sabe quais são os perfis de clientes que irão comprar seu produto? Não se trata do tipo comportamental dele. Se o cliente é chato, legal, arrogante ou simpático. O artigo do site Administradores mostra a importância de compreender quem vai investir o dinheiro no seu produto ou serviço.

1. Aquele que não vai comprar

Por que começar falando sobre quem não vai abrir a carteira para você? Você precisa entender onde não vale o seu esforço. Um exemplo simples é que você não vai vender casaco de pele na praia de Copacabana. Aquele produto simplesmente não interessa, não agrega valor ou não tem utilidade para aquela pessoa.

Isso não significa que essa pessoa nunca será seu cliente, ela apenas não é naquele momento. O que você pode aprender com essas pessoas? Atenção com o desperdício com campanhas de Marketing de Massa. Não gaste dinheiro com publicidades que não trarão retorno. Essa dica serve tanto para anúncios televisivos, como aquela campanha sem a mínima segmentação no Facebook.

+Leia também: 3 dicas para engajar seus clientes nas redes sociais

2. Cliente “Sabe que precisa e quer”

Esse é o melhor cliente. Ele conhece sua marca, precisa do seu produto ou serviço e está disposto a comprar. Não esqueça dele em suas ações de marketing. Você precisa desse perfil.

Cadastre-se e receba novidades e dicas sobre empreendedorismo

+Leia também: 4 livros para sua empresa colocar o cliente em primeiro lugar

3. Cliente “Sabe que precisa e não quer”

É aquele que sempre deixa a compra para depois e não compra. A verdade é que ele não enxerga seu produto como prioridade ou realmente não está convencido se o seu produto é o ideal.

+Leia também: Clientes fiéis: 7 opções de baixo custo para conquistá-los

4. Cliente “Não sabe que precisa, mas quer”

Esse cliente ainda não conhece você, entretanto pode ser sua maior fatia de mercado no futuro.

+Leia também: Relacionamento com o cliente: 6 dicas matadoras

Por que compramos?

São três motivos básicos. O primeiro é sanar uma dor ou resolver um problema. Para citar alguns exemplos, você compra um remédio porque está doente ou compra uma mala porque precisa de um compartimento para colocar seus itens pessoais para viajar.

O segundo motivador é ganhar tempo. Compramos um micro-ondas para esquentar uma comida mais rapidamente e contratamos algum tipo de serviço para economizar tempo.

Já o terceiro motivo é ser transformado pelo produto ou serviço. Ao comprar um curso, fazer um MBA ou ir a uma palestra, estamos comprando em busca de transformação. Comprar uma casa em outro bairro ou cidade também é uma aquisição transformadora.

+Leia também: Seu produto atende às necessidades dos seus clientes?

E como vamos vender para esses clientes?

Através do relacionamento. Crie um relacionamento com seu cliente. As redes sociais ajudam muito. Compartilhe conteúdos relevantes ao seu público e crie um diálogo com ele. O cliente que não sabia que precisava do seu produto passa a ser impactado e vai comprar de você. E o cliente que adiava a compra começa a ver mais valor na sua marca. Não foque em ações apenas de vendas.

Gostou do que viu por aqui? Assine nossa Newsletter e receba mais conteúdo sobre empreendedorismo.